Infecção por giárdia: como combater?

Infecção por giárdia: como combater?
5 (100%) 1 vote

Causada por um tipo de protozoário que infecta o intestino delgado, a infecção por giárdia é considerada uma zoonose perigosa. Quando instalada a doença, o pet fica mais suscetível a adquirir outras enfermidades mais graves e até fatais.

Em cães, os principais sinais clínicos são vômito e diarreias, depressão, dor abdominal, desidratação e perda de peso. Nos gatos, especialmente filhotes e gatos jovens, ocorre forte desidratação, letargia e perda de apetite.

Os sinais clínicos da infecção podem ser facilmente confundidos com outras enfermidades intestinais e tratada de maneira incorreta. Por isso, é fundamental identificá-la rapidamente e, acima de tudo, preveni-la.

Cuidados com o seu pet

Há mais dificuldade em se combater a giardíase pela reinfecção do animal. Se o pet já tem o protozoário, libera um cisto pelas fezes e lambe, ele pode contrair novamente a doença. Por isso, é importante que os tutores retirem as fezes assim que o animal evacuar. Manter limpo o ambiente onde o animal vive e se alimenta também é uma recomendação.

Para prevenir a doença, cuidados clínicos são fundamentais. As vacinas devem estar em dia, para que o animalzinho fique sempre protegido. É indicado um exame de fezes a cada seis meses, repetido após quinze dias para verificar a saúde intestinal do pet.

A giardíase pode ser transmitida também para os seres humanos. Por isso, é importante ficar atento e, a qualquer suspeita, buscar avaliação de médico veterinário. Com a medicação correta, a doença pode ser combatida.

Redação Pet Center Canoas

Pet Center Canoas Logo

Clinica Veterinária 24h em Canoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.