Cães bebendo leite materno na mãe

Cães e gatos também precisam de leite materno

Assim como para os seres humanos, o leite materno é essencial nas primeiras semanas de vida dos cães de gatos. Contudo, algumas situações como a morte das mães biológicas, o abandono dos filhotes ou mesmo a ocorrência de doenças podem impedir que os filhotes consigam essa fonte de alimento para sobreviver.

O leite da mãe fornece todos os nutrientes dos quais o filhote precisa durante as primeiras quatro semanas de vida. Portanto, se você acolheu um filhotinho que ainda necessita de leite, é importante que um veterinário seja consultado para indicar a melhor forma de alimentação.

Dentre as opções que podem ser apontadas pelo profissional está a ama de leite. Mas é preciso estar ciente de que pode não dar certo, pois nem todas as cadelas e gatas aceitam filhotes que não sejam os delas.

Outra boa opção é o substituto de leite materno industrializado que é um alimento completo e seguro para cães e gatos filhotes. Ao amamentar o animalzinho, ele deve estar obrigatoriamente de barriga para baixo, ou poderá engasgar e aspirar o líquido para os pulmões.

Informações importantes

  • Nunca ofereça leite de vaca para cães e gatos;
  • O leite é um alimento completo para o filhote e não agride o sistema digestivo, que ainda está frágil;
  • Até a quarta semana de vida, o leite é o único alimento que o filhote precisa;
  • Caso a amamentação seja impossível, um médico veterinário deve ser consultado. Precisa de informações sobre os atendimentos na Pet Center Canoas? Fale conosco pelo WhatsApp, clicando aqui.

Intervalo das mamadas

Durante a primeira semana de vida, o filhote deve mamar a cada duas horas. E mesmo que esteja dormindo, é importante respeitar esse intervalo, acordá-lo e oferecer o leite para ele. A partir da segunda semana, as mamadas podem ser espaçadas e acontecer a cada quatro horas.

Da quarta semana em diante, já é possível iniciar o desmame, introduzindo gradativamente alimentação pastosa e água. Entre 5 e 8 semanas, eles já são capazes de começar a comer ração.

Nutrição materna

A boa nutrição da gata ou cadela gestante é fundamental para que o desenvolvimento dos filhotes ocorra da maneira esperada. A quantidade, a qualidade e o tipo de alimento que a mãe consome influencia não apenas na gestação, mas também na saúde e no bem-estar dos filhotes.

Especialmente, durante o último terço da gestação, a gestante precisa receber alimentos com altas doses de energia, o que irá garantir o crescimento e ganho de peso dos filhotes e a produção de leite.

Também é importante deixar a mãe livre para se movimentar e se alimentar, não fazendo restrição quanto à quantidade de alimento e água consumidos.

Mais posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.